Pais recebem treinamento e conseguem ajudar crianças com autismo

Happy joyful young family father, mother and little son having f

Compartilhe nosso artigo com seus familiares, colegas e amigos clicando nos botões a seguir:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Uma nova pesquisa realizada nos EUA envolvendo seis grandes universidades – entre elas a de Yale, Indiana e Ohio – e divulgada no Brasil pelo site do Jornal O Globo traz importantes resultados sobre a relação entre o treinamento dos pais e o desenvolvimento de suas crianças com o autismo.

O estudo, que foi patrocinado pelo Instituto Nacional de Saúde Mental (NIMH), envolveu 180 crianças com idades entre 3 e 7 anos, com diagnósticos do espectro do autismo e demonstrando comportamentos indesejados considerados graves.

De forma aleatória, as crianças foram divididas em dois grupos. No primeiro deles, os seus pais receberam um treinamento com duração de 24 semanas, que incluía 11 sessões centrais, duas opcionais, dois controles telefônicos e duas visitas domiciliares. Estes pais puderam ter contato com estratégias específicas sobre como lidar com demonstrações de raiva e frustração, birras, agressividade e autoagressão.

No segundo grupo, os pais passaram por um processo educativo com duração também de 24 semanas, mas que incluiu 12 sessões e apenas uma visita domiciliar. A este grupo foram repassadas somente informações sobre o autismo, sem que fossem apresentadas orientações específicas quanto aos comportamentos indesejados.

Segundo Karen Bearss, do Marcus Autism Center e da Emory University School of Medicine e uma das pesquisadoras envolvidas no estudo, as sessões que ocorreram durante a intervenção usualmente reuniam um terapeuta e um dos pais. O ponto de partida no tratamento foi ajudar os pais a compreender por que razões as crianças com autismo se engajavam em comportamentos indesejados e qual função atribuíam a eles. As sessões envolveram também técnicas para prevenção dos comportamentos e para intervenção em situações específicas.

Os resultados do estudo, para Karen Bearss, indicaram uma melhora no comportamento das crianças em geral. Ou seja, ambos os grupos de crianças foram beneficiados pela capacitação de seus pais. Entre as crianças cujos pais receberam o treinamento mais completo, notou-se, contudo, uma clara melhora também quanto aos comportamentos específicos de isolamento e agressão.

Durante a realização da pesquisa, as crianças foram acompanhadas por um médico que não estava diretamente envolvido na aplicação do tratamento. Depois de seis meses de acompanhamento, foi possível notar que as crianças cujos pais receberam o treinamento mais completo demostraram uma melhora de 48% nos comportamentos de isolamento, frente a melhora de 32% entre aquelas cujos pais passaram apenas pelo processo educativo mais simplificado. No período final do tratamento, chegou a 70% o percentual de crianças cujos pais receberam treinamento demostrando respostas mais positivas ao ambiente, em contraste com 40% para o grupo cujos pais receberam apenas informações sobre o autismo. Os pais envolvidos no estudo, nos dois grupos, estiveram presentes em 90% das sessões, indicando que eles tinham um alto grau de envolvimento com a intervenção proposta.

O estudo, que foi recentemente divulgado no Journal of the American Medical Association, conclui então que um treinamento mais completo aos pais pode ser mais eficaz na redução de comportamentos indesejados e de isolamento de seus filhos do que um simples processo de informação, embora, em ambos os casos, a formação dos pais, por si só, já seja capaz de trazer algum tipo de benefício ao desenvolvimento das crianças. A pesquisa indicou ainda que a melhora observada nas crianças integrantes do estudo perdurou por até seis meses após o final das intervenções.

Você poderá assistir a um vídeo (em inglês) com os pesquisadores Lawrence Scahill e Karen Bearss em que eles descrevem em detalhes a concepção, a condução e os resultados do estudo.

Saiba mais a respeito de outros estudos sobre a eficácia do treinamento de pais para o desenvolvimento de suas crianças com autismo em nosso blog! Temos um post sobre como os pais podem ajudar a desenvolver a linguagem de suas crianças.

Você poderá compreender melhor os comportamentos de sua criança com autismo e saber como ajudá-la quanto aos comportamentos indesejados capacitando-se em nossos cursos. Em ambos os cursos, ensinamos pais e profissionais a lidar com comportamentos indesejados, atividades do dia a dia, desenvolvimento da linguagem, dentre outros tópicos.

Quer ajudar crianças com autismo em sua região? Então nos ajude a divulgar essa nova pesquisa compartilhando esse post em suas redes sociais.

Faça parte da conversa. Deixe seu comentário abaixo.

Compartilhe nosso artigo com seus familiares, colegas e amigos clicando nos botões a seguir:

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

20 comentários em “Pais recebem treinamento e conseguem ajudar crianças com autismo”

    1. Avatar
      Inspirados pelo Autismo

      Olá Francisco,

      Agradecemos por seu comentário. A Inspirados pelo Autismo tem produzido e divulgado artigos para ajudar as famílias e profissionais a apoiarem o desenvolvimento das pessoas com autismo. Se você tiver gostado dos nossos artigos, por gentileza, recomendamos que você os divulgue junto aos seus amigos e familiares.

      Continuaremos sempre trabalhando na conscientização sobre o autismo!

      Atenciosamente, Equipe Inspirados pelo Autismo

    1. Avatar
      Inspirados pelo Autismo

      Obrigado, Nathália!

      Ficamos muito contentes com o seu elogio!

      Atenciosamente, Equipe Inspirados pelo Autismo

  1. Avatar
    Ana lucia o melo

    Eu tenho uma criança de 11 anos que é autista, como eu posso ajudar ele no comportamento? Ele já está falando e escrevendo no computador, até textos. Quero melhorar. Obrigada.

    1. Avatar
      Inspirados pelo Autismo

      Olá Ana Lucia,

      Que bom saber que o seu filho está desenvolvendo bastante a fala e a escrita, parabéns à vocês!

      Para auxiliar o seu filho nas interações sociais e no comportamento no dia a dia, recomendamos a realização de sessões lúdicas 1×1 (por exemplo, entre você e o seu filho). Nestas sessões, através da criação de brincadeiras, você poderá ajudar o seu filho a aprender as habilidades de que ele necessita. Temos várias opções de atividades lúdicas descritas em nosso site (e também no Livro Brincar para Crescer). Por favor, acesse:

      http://www.inspiradospeloautismo.com.br/a-abordagem/atividades-interativas-para-pessoas-com-autismo/
      http://www.inspiradospeloautismo.com.br/livros/brincar-para-crescer/

      Em seu cotidiano, você poderá atuar também como um modelo social para o seu filho, mostrando a ele como ele deve se comportar nas diversas situações. Outros adultos da família também podem participar como modelos sociais, então, vocês podem ilustrar a maneira certa de agir e reagir em cada caso.

      Atenciosamente, Equipe Inspirados pelo Autismo

  2. Avatar

    Tenho um filho autista, ele tem um autismo mais severo, é agitado e tem dificuldade de falar. Preciso de ajuda. As únicas pessoas que me ajudam são meus pais, o pai dele nem liga pra ele. Preciso de ajuda. Infelizmente tenho que trabalhar pra nos sustentar e faço tudo o que posso, mais estou muito cansada. Ele tem 8 anos.

    1. Avatar
      Inspirados pelo Autismo

      Olá Poliane,

      Agradecemos por nos contar sobre a sua convivência com o seu filho. Gostaríamos de sugerir a leitura de dois artigos que poderão lhes ser úteis:

      – uma página sobre a criação de um ambiente otimizado para crianças com autismo, pois isso poderá ajudar o seu filho a sentir-se mais confortável e tranquilo: http://www.inspiradospeloautismo.com.br/a-abordagem/a-criacao-do-ambiente-fisico-otimizado-para-autismo/

      – uma página sobre sentimentos e sobre como aprimorar a relação com a criança, o que pode ajudar vocês a aproveitar os momentos que vocês têm juntos: http://www.inspiradospeloautismo.com.br/inspire-se/os-sentimentos/

      Atenciosamente, Equipe Inspirados pelo Autismo

  3. Avatar

    Bom dia! Meu filho tem 1 ano e 9 meses, tivemos o diagnóstico há um mês atrás. A ficha ainda está caindo…como posso ajudar meu filho? Fora as terapias que ele já estará iniciando? Gostei muito do livro das atividades, porém ele é muito pequeno, será que consigo fazer tal atividades?

    1. Avatar
      Inspirados pelo Autismo

      Olá Fernanda,

      Agradecemos pelo seu interesse em nossa abordagem e por nos contar um pouco sobre a sua família e o seu filho.

      Para aprender os princípios básicos de nossa abordagem e poder ajudar o seu filho no dia a dia, recomendamos, antes de tudo, que você participe de nossos cursos, pois neles disponibilizamos estratégias que você poderá empregar imediatamente com ele. O nosso calendário de cursos para 2015 pode ser acessado a partir do link a seguir: http://www.inspiradospeloautismo.com.br/cursos-sobre-autismo/#prazos-com-descontos

      Estamos planejando um Novo Curso de Módulo 1 em São Paulo para o mês de setembro e o mesmo poderá ser lançado em breve em nosso site.

      Sobre os nossos livros, recomendamos tanto o “Brincar para Crescer” como o “Dez Coisas que Toda Criança com Autismo Gostaria que Você Soubesse”: http://www.inspiradospeloautismo.com.br/loja-virtual/#livros

      Em relação ao “Brincar para Crescer”, ele poderá sim ser utilizado por vocês sendo que, como o seu filho tem 01 e 09 meses, vocês utilizarão as atividades do Estágio 1, que incluem metas como desenvolvimento da atenção compartilhada e do contato visual. A medida que o seu filho for crescendo e se desenvolvendo, você poderá seguir utilizando o livro, passando aos estágios seguintes.

      Atenciosamente, Equipe Inspirados pelo Autismo.

  4. Avatar

    Olá,
    Apesar de meu filho ter 33 anos, sei que poderei contar com a colaboração de vocês.
    Gostaria muito de saber como ajudá-lo a aprender funções básicas de matemática. Ele só faz compras com dinheiro exato e sem precisar receber troco. Geralmente coisas básicas e pequenas. Tentei aulas particulares que não deram certo. Ele é portador da síndrome de asperger.
    detalhe: nós moramos em Israel.

    Agradeço desde já.

    Raquel (mãe do rapaz)

    1. Avatar
      Inspirados pelo Autismo

      Olá Raquel,

      Agradecemos por nos contar sobre o seu filho e por nos enviar a sua pergunta.

      Recomendamos que você leia as sugestões de atividades para compras no supermercado, pois elas poderão lhes dar várias ideias úteis:
      http://www.inspiradospeloautismo.com.br/como-ajudar-criancas-com-autismo-a-aprender-quantidades-2/
      http://www.inspiradospeloautismo.com.br/como-ensinar-matematica-para-criancas-com-autismo/

      Os princípios utilizados nas atividades do supermercado poderão ser aplicados por você junto ao seu filho, tanto em casa como no próprio supermercado. A aplicação dos princípios seria ainda mais eficaz se vocês utilizarem na atividade os objetos ou assuntos de maior interesse do seu filho. Por exemplo, vocês poderiam fazer operações matemáticas com os personagens, alimentos, objetos de interesse dele.

      Atenciosamente, Equipe Inspirados pelo Autismo

  5. Avatar

    Gostaria de trabalhar com vcs. Sou psicopedagoga com especialização em diagnóstico e tratamento precoce na PUC.

    1. Avatar
      Inspirados pelo Autismo

      Olá Sheyla,

      Agradecemos o interesse em nossa abordagem e em nossa instituição.

      Informamos que, no momento, não temos processos de seleção abertos para vagas ligadas ao atendimento das pessoas com autismo.

      Para aprender os princípios de nossa metodologia, recomendamos a sua participação em nossos cursos para pais e profissionais.

      Para ser informada sobre os nossos próximos cursos, recomendamos que você se inscreva (caso ainda não tenha se inscrito) para receber os nossos informativos: https://www.inspiradospeloautismo.com.br/receber-nosso-informativo/

      Para conhecer mais sobre a nossa abordagem e saber como ela poderá ser aplicada por você desde já com crianças, adolescentes e adultos com autismo, por favor, acesse o nosso site pelo link a seguir: https://www.inspiradospeloautismo.com.br/a-abordagem/

      Atenciosamente, Equipe Inspirados pelo Autismo

  6. Avatar
    Margarete Morandi de Oliveira

    Sou professora de um menino autista, surdo e mudo de 11 anos. Ele não é alfabetizado e possui um comportamento muito inquieto e agressivo.
    Como posso ajudar a reverter este quadro?

    1. Avatar
      Inspirados pelo Autismo

      Olá Margarete,

      A nossa abordagem poderá ser utilizada com crianças com deficiência auditiva sendo que, nesse caso, buscamos oferecer estímulos táteis e visuais que sejam agradáveis e que as motivem a realizar as tarefas do dia a dia.

      Recomendamos, primeiramente, que você identifique os estímulos táteis e visuais apreciados pelo seu aluno e busque trazer esses estímulos para o cotidiano e para as atividades da escola.

      Você poderá se beneficiar também do artigo sobre inclusão escolar existente em nosso site: http://www.inspiradospeloautismo.com.br/a-abordagem/o-estilo-responsivo-na-escola/

      Recomendamos ainda a leitura do livro “Dez Coisas que Toda Criança com Autismo Gostaria que Você Soubesse”. O livro descreve dez características que ajudam a entender as crianças com autismo e poderá ser extremamente útil para você e a escola quanto às questões que você nos descreve: https://www.inspiradospeloautismo.com.br/livros/dez-coisas-que-toda-crianca-com-autismo-gostaria-que-voce-soubesse/

      Atenciosamente, Equipe Inspirados pelo Autismo

    1. Avatar
      Inspirados pelo Autismo

      Olá Iara,

      Temos alguns materiais que podem ajudar a promover a parceria entre os pais e a escola:

      Cartaz para pais e para a comunidade da escola
      https://www.inspiradospeloautismo.com.br/cartaz-com-15-ideias-para-projetos-de-inclusao-de-alunos-com-autismo/

      Texto sobre o estilo responsivo na inclusão escolar
      https://www.inspiradospeloautismo.com.br/a-abordagem/o-estilo-responsivo-na-escola/

      Artigo sobre a escolha da escola
      http://www.inspiradospeloautismo.com.br/como-escolher-uma-escola-para-sua-crianca-com-autismo/

      Compartilhando estes materiais com seus familiares, colegas e amigos você nos ajudará a disseminar ainda mais essa ideia!

      Atenciosamente, Equipe Inspirados pelo Autismo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Informativo da Inspirados pelo Autismo

E-mail (obrigatório):

Nome:

Sobrenome:


FamiliarProfissional/ estudante da área de saúdeProfissional/ estudante da área de educaçãoOutro

Destaques do nosso blog:

Nossos próximos cursos:

Descontos por participante:

Turma 1 – São Paulo – 17 a 20 de setembro

Investimento por participante:
1º lote: R$1428 até o dia 10/07/20 (15% de desconto).
2º lote: R$1512 até o dia 10/08/20 (10% de desconto).
3º lote: R$1680 até o dia 08/09/20 (valor integral).
Inscrições limitadas e abertas até o dia 08 de setembro de 2020 (terça-feira).

Descontos em mais de um curso: Quem se inscrever em 2 cursos, também tem o desconto de 5% somado ao desconto por prazo de inscrição. Quem se inscrever em 3 ou mais cursos tem o desconto de 10% somado ao desconto por prazo de inscrição. Somados, os descontos podem chegar a quase 25% do valor integral dos cursos. Os descontos serão oferecidos no total do carrinho de compras.

Descontos para grupos: Inscrições para grupos de 2 pessoas têm mais 5% de desconto somado ao desconto por prazo de inscrição, e inscrições para grupos de 3 ou mais pessoas têm mais 10% de desconto somado ao desconto por prazo de inscrição. Somados, os descontos podem chegar a quase 25% do valor integral do curso. Os descontos serão oferecidos no total do carrinho de compras se apenas uma pessoa fizer a inscrição para todos. Para que cada membro do grupo possa fazer o pagamento da inscrição separadamente, mas com o desconto de grupo, entre em contato conosco por email.

Descontos por participante:

Turma 1 – São Paulo – 19 a 22 de março

1º lote: R$1428 até o dia 20/12/19 (15% de desconto).
2º lote: R$1512 até o dia 10/02/20 (10% de desconto).
3º lote: R$1680 até o dia 10/03/20 (valor integral).
Inscrições limitadas e abertas até o dia 10 de março de 2020 (terça-feira).

Turma 2 – São Paulo – 13 a 16 de agosto

Investimento por participante:
1º lote: R$1428 até o dia 10/06/20 (15% de desconto).
2º lote: R$1512 até o dia 10/07/20 (10% de desconto).
3º lote: R$1680 até o dia 04/08/20 (valor integral).
Inscrições limitadas e abertas até o dia 04 de agosto de 2020 (terça-feira).

Descontos em mais de um curso: Quem se inscrever em 2 cursos, também tem o desconto de 5% somado ao desconto por prazo de inscrição. Quem se inscrever em 3 ou mais cursos tem o desconto de 10% somado ao desconto por prazo de inscrição. Somados, os descontos podem chegar a quase 25% do valor integral dos cursos. Os descontos serão oferecidos no total do carrinho de compras.

Descontos para grupos: Inscrições para grupos de 2 pessoas têm mais 5% de desconto somado ao desconto por prazo de inscrição, e inscrições para grupos de 3 ou mais pessoas têm mais 10% de desconto somado ao desconto por prazo de inscrição. Somados, os descontos podem chegar a quase 25% do valor integral do curso. Os descontos serão oferecidos no total do carrinho de compras se apenas uma pessoa fizer a inscrição para todos. Para que cada membro do grupo possa fazer o pagamento da inscrição separadamente, mas com o desconto de grupo, entre em contato conosco por email.